Loading

Segurança em piscinas


Resumo:

Os parques aquáticos nos clubes são áreas muito procuradas pelos associados, daí a importância de que sejam áreas montadas adequadamente e com o cumprimento das normas de segurança.

Este curso busca mostrar todos os aspectos de segurança que devem ser monitorados numa piscina, e quais cuidados os diversos equipamentos requerem.

Objetivo:

  • Mostrar os principais equipamentos que requerem cuidados com relação à segurança dos usuários das piscinas.
  • Apresentar as ações a se tomar com relação à segurança dos associados nos parques aquáticos.

A quem se destina:

Dirigentes, gerentes, supervisores e zeladores responsáveis pelos parques aquáticos de clubes e condomínios.

Carga Horária:

4 horas

Conteúdo:

  1. Leis e normas brasileiras
  2. Detalhes do Decreto-lei 13.166 de Janeiro de 1.979
  3. Normas da ABNT quanto a segurança
  4. Lei americana VGB de 2.007, aspectos positivos e negativos.
  5. Nova lei 1.162 de 2.014, aspectos positivos e negativas
  6. Organizações americanas envolvidas em segurança
  7. Avisos de segurança
  8. Assuntos de segurança
  • Ralos de fundo e bocais de aspiração
  • Afogamentos em piscinas
  • Traumatismos
  • Choques elétricos
  1. Ralos de fundo e bocais de aspiração
  • Termo correto para ralo de fundo-saída de sucção submersível
  • Lei VGB 19/6/2.002 – 19/12/2.007 – 19/12/2.008
  • Velocidades máximas permitidas
  • Como as pessoas ficam presas
  • Piscinas a construir, reformar, modernizar
  • Piscinas existentes
  • Estatísticas
  1. Soluções
  • Dreno anti-turbilhão
  • Dois ralos de fundo
  • Ralos não bloqueáveis
  • Ralo de fundo e coadeira sem registro
  • Piscina sem ralo de fundo
  • Piscina com compartimento a parte
  • Piscina com tanque de gravidade
  • Piscina com respiro atmosférico
  • Sistema de segurança de liberação de vácuo
  • Atitudes para evitar ou diminuir acidentes em ralos de fundo
  1. Botão de pânico ou de emergência
  2. Uso da touca
  3. Uso da tesoura
  4. Comparação Brasil X USA
  5. Foto familia VGB
  6. Acidentes na mídia
  7. Afogamentos
  • Estatísticas
  • Constante supervisão
  • Leis e normas francesas
  • Atitudes que ajudam
  • Grade em volta da piscina
  • Capa de segurança
  • Cobertura móvel
  • Alarmes vários tipos
  • Providências que ajudam
  1. Traumatismos
  • Os principais causadores de traumatismos
  • Estatísticas de acidentes
  • Recomendações para o mergulho
  • O que evitar no ato de mergulho
  • Marcaçãode profundidade
  • Pisos antiderrapantes
  • Brincadeiras perigosas
  • Piscinas mal projetadas
  • Piscinas com grande afluxo de usuários (ABNT)
  • Caso Meneely
  • Mergulho suicida
  • Mergulho marinheiro
  • Mergulho “steer up”
  1. Choques elétricos
  • A eletricidade
  • Fatores que influenciam o efeito do choque
  • Sequelas do choque elétrico
  • Cuidados elétricos para com o usuário
  1. Salva-vidas seleção, credenciamento, perfil apropriado, número de acordo com o tipo e dimensão da piscina. Escadas de salva vidas, treinamento de acidentes, etc
  2. Equipamentos de salvamento
  3. Sala de pronto atendimento
  4. Estojo de primeiros socorros
  5. Lista de telefones para pronto atendimento

Mini-Currículo:

Nilson Maierá – Formado em Engenharia Química pela Escola Politécnica da USP, pós-graduado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas. Diretor técnico da ANAPP-Associação Nacional dos Fabricantes de Piscinas e Produtos Afins. Projetista hidráulico de piscinas. Atua como consultor de clubes e academias na área de Piscinas. Ministra cursos na área para entidades como SESI e CRQ –Conselho Regional de Química-RJ, inclusive cursos na Argentina. Diretor fundador das academias Raia4 e autor do livro "Piscinas litro a litro".

© Sindi Clube - Todos os Direitos Reservados