Loading

Confira todas as notícias

Sindi Clube pede a parlamentares que não aprovem MP 841

 

O Sindi Clube encaminhou nessa sexta-feira (dia 29) mensagem a todos os senadores e deputados que integram o Congresso Nacional alertando para os prejuízos que serão causados pela MP 841/2018, que transfere grande parte da verba que compõe o orçamento do esporte no país para projetos de segurança pública, e solicitando a oposição dos parlamentares para que a mesma não seja aprovada pela Comissão Mista do Congresso quando for votada.

“Não se pode conceber solução pior para os graves problemas de segurança enfrentados pela população brasileira do que o enfraquecimento do esporte no país. É graças aos incentivos oficiais que a atividade esportiva desenvolvida no país tem se constituído em uma alternativa importante, e por vezes única, para afastar os jovens da criminalidade”, lembra a mensagem do presidente da entidade, Paulo Movizzo.

Segundo o presidente do Sindi Clube, “não é aceitável que os clubes, as confederações nacionais, o Comitê Brasileiro de Clubes, as secretarias municipais e estaduais de esporte e o próprio Ministério do Esporte, responsáveis por essas iniciativas voltadas para os jovens brasileiros, sejam afetados em seus diversos projetos que garantem qualidade de vida, desenvolvimento humano e inclusão social por meio da prática esportiva”.

A mensagem cita o papel dessas entidades também no desenvolvimento do esporte e na formação dos atletas brasileiros, e relembra aos parlamentares que, ao contrário do que dispõe a matéria, “tramita na Comissão do Esporte da Câmara dos Deputados um Projeto de Lei que visa exatamente rediscutir a atual divisão dos recursos das loterias que chegam ao esporte, com a finalidade de ampliar a geração de projetos para preparação de atletas, inclusive para o ciclo olímpico de Tóquio, em 2020”.

Desde que a MP foi anunciada, o Sindi Clube vem participando ativamente da campanha contra a MP 841 lançada pela Fenaclubes e pelo Comitê Brasileiro de Clubes (CBC). O vice-presidente de Relações Institucionais do Sindi clube, Marcelo Belleza, representou a entidade em audiência pública da Comissão de Esportes da Câmara dos Deputados que discutiu o assunto, e naquela ocasião, vários atletas e também parlamentares se manifestaram contra a MP e o prejuízo causado a atletas e técnicos brasileiros, oriundos de agremiações de todo o país, com o corte de suas fontes de financiamento.

Nessa mesma data, o Sindi Clube recebeu um importante apoio do deputado Floriano Pesaro (PSDB-SP) que discursou no plenário da Câmara dos Deputados se associando à indignação manifestada pela entidade e se comprometendo a mobilizar as bancadas para apresentação de emendas e impedir que os clubes esportivos sejam prejudicados.

Segundo o Sindi Clube, até 9 de julho encerra-se o prazo de tramitação das emendas na Câmara dos Deputados. Depois, devem seguir para o Senado com prazo até 6 de agosto, o que exige uma urgente mobilização do setor para impedir a aprovação da medida.

    

Voltar

© Sindi Clube - Todos os Direitos Reservados